Anúncios

Edição Atual

VOLUME 22, nº 04, dezembro 2023
					Visualizar VOLUME 22, nº 04, dezembro 2023

Dossiê “Dez Anos do Ministro Luís Roberto Barroso no Supremo Tribunal Federal” e seção de Artigos.

Publicado: 2023-12-13

Edição completa

Editorial

  • Editorial

    João Carlos Souto, Aline Osorio , Patrícia Perrone Campos Mello, Luna van Brussel Barroso

DOSSIÊ | “Dez Anos do Ministro Luís Roberto Barroso no Supremo Tribunal Federal”

  • The spirit of brazilian law: rise and maturity

    Autor estrangeiro convidado - Paulo Barrozo
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3414
  • Compensações punitivas por violações de direitos fundamentais dos preso: reflexões sobre o futuro da ADPF 347 no STF

    Ademar Borges de Sousa Filho, Aline Osorio
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3396
  • Discrimination and law beyond punishment. jury discriminatory acquittals. The Brazilian Supreme Court and ADPF 779 decision.

    Ana Paula Barcellos
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3392
  • Lei e regulamento na visão do ministro Barroso

    André Rodrigues Cyrino, Caio César Alves Ferreira Ramos
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3313
  • O ministro Roberto Barroso e a revolução da brevidade: notas para uma teoria literária da boa escrita jurídica

    Arnaldo Sampaio de Moraes Godoy
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3415
  • A Convenção da Haia sobre os aspectos civis do sequestro internacional de crianças de 1980: conceitos fundamentais, propósito e óbices ao retorno

    Carmen Beatriz de Lemos Tiburcio Rodrigues
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3412
  • Liberdade de organização laboral, terceirização e pejotização: a contribuição do ministro Luís Roberto Barroso

    Gustavo Binenbojm
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3393
  • A contribuição de Luís Roberto Barroso e Harry Blackmun à emancipação da mulher no Brasil e nos Estados Unidos

    João Carlos Souto
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3407
  • Qual é o papel do acadêmico de Direito junto às instituições públicas? Reflexões a partir da carreira de Luís Roberto Barroso

    José Vicente Santos de Mendonça, André Tosta
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3411
  • Parâmetros para o dever de transparência da administração pública

    Patricia Ferreira Baptista, Leonardo Silveira Antoun Netto
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3397
  • O direito humano ao meio ambiente na visão do STF: o papel da corte no enfrentamento da crise climática

    Autora convidada - Patricia Perrone Campos Mello
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3408
  • A crítica ilusionista: uma defesa de ‘a razão sem voto’.

    Pedro Rubim Borges Fortes
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3394
  • O direito administrativo entre o ideal e o real: o papel da jurisdição constitucional na concretização da teoria

    Valter Shuenquener de Araujo
    DOI: https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3375

Artigos

Ver Todas as Edições

APRESENTAÇÃO

A REVISTA DA AGU, buscando uma qualidade de excelência, nesses últimos anos tem obtido uma evolução significativa. Em maio de 2013 recebeu o importante selo Qualis, qualificação almejada por inúmeras publicações jurídicas. Esta certificação é uma indicação do amadurecimento alcançado pelo periódico.

Passamos também a utilizar o Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas (SEER) que possibilita otimizar todo o processo de avaliação facilitando dessa forma o acompanhamento. Por meio do sistema podemos filtrar, de diversas formas, a pesquisa ao conteúdo.

Para publicar conteúdo de qualidade a revista da AGU conta com um Conselho Editorial responsável pela seleção dos trabalhos. Este conselho é composto por doutores, mestres e professores de instituições de ensino nacionais e internacionais, além de membros das carreiras da AGU de todo o Brasil.

O periódico publica, predominantemente, artigos dos membros das carreiras da Advocacia-Geral da União, estando aberto à publicação de artigos de qualquer operador do direito. A partir de 2014 passaram a ser publicados artigos de autores filiados às instituições estrangeiras. São admitidos, também, textos sobre gestão e administração de órgãos jurídicos, gestão de sistemas de controle processual, gestão de pessoas, formação e aperfeiçoamento.

Os textos são apresentados, principalmente, sob a forma de artigos, mas são publicados também pareceres, comentários à jurisprudência, estudos, projetos e outros trabalhos escritos de interesse institucional.