Contribuições da ciência logosófica para o acesso à justiça

Autores

DOI:

https://doi.org/10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3290

Palavras-chave:

Acesso à Justiça, Autocomposição, Conflitos, Ciência Logosófica, Ética Logosófica

Resumo

O artigo tem por objetivo refletir sobre contribuições de conhecimentos logosóficos para a análise de conflitos humanos. O problema de pesquisa encontra-se na pergunta: a Ciência Logosófica pode fornecer contribuições para o acesso à justiça?  O artigo é dividido em três seções. A primeira trata de aspectos do direito humano e fundamental do acesso à justiça. A segunda apresenta a Ciência Logosófica e seu aspecto interdisciplinar. A terceira verifica contribuições da Ciência Logosófica para o acesso à justiça. Utiliza-se o método dedutivo de abordagem e o método de procedimento monográfico. O artigo conseguiu verificar o aspecto interdisciplinar da Logosofia, o que já é uma realidade nas Ciências Humanas, Médicas e Sociais Aplicadas. Conclui-se, em linhas gerais, que a Ciência Logosófica pode contribuir para a prevenção e resolução de conflitos, notadamente, pelas formas consensuais.

Biografia do Autor

Maurício da Cunha Savino Filó, Universidade do Extremo Sul Catarinense

Doutor em Direito pelo Programa de Pós-Graduação em Direito (PPGD) da Universidade Federal de Santa Catarina (2018). Leciona desde agosto de 2011, na Universidade do Extremo Sul Catarinense (UNESC).  Advogado.

Referências

CASULLO, Nicolás. El debate modernidade-pósmodernidad: edición ampliada y actualizada. 2ª ed. Buenos Aires: Retórica, 2004.

DIAS, Gabrielle Batista; FERREIRA, Nilza Fátima Virgem; TOCAFUNDO Ronan Daré. A contribuição da Logosofia para a docência na Educação Física. Interritórios | Revista de Educação Universidade Federal de Pernambuco, Caruaru, BRASIL | V.5 N.9 [2019], p. 330-350. Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/interritorios/article/view/243601. Acesso em: 17 fev. 2023.

ESTÊVÃO, Carlos Alberto Vilar. Dos direitos humanos no transumanismo: algumas reflexões. Revista Direitos Humanos e Democracia, [S. l.], v. 6, n. 12, p. 14–22, 2018. DOI: 10.21527/2317-5389.2018.12.14-22. Disponível em: https://www.revistas.unijui.edu.br/index.php/direitoshumanosedemocracia/article/view/8400. Acesso em: 26 fev. 2023.

FILÓ, Maurício da Cunha Savino; DAROS NETO, A. C. O Princípio da Cooperação e a atividade da Advocacia Geral da União (AGU). Revista da AGU, v. 19, p. 225-244, 2020.

FILÓ, Maurício da Cunha Savino; PILATI, José Isaac. Ensaio sobre uma escola de educação e cultura políticas. Revista Culturas Jurídicas, Vol. 4, Núm. 7, jan./abr. 2017, p. 103-118. Disponível em: https://periodicos.uff.br/culturasjuridicas/article/view/44722. Acesso em: 28 mar 2023.

FORNASIER, Mateus de Oliveira; SOBREIRO, Rafael Soccol; BRUN, Marco Antonio Compassi. Direitos do Homem, Ética e Sistema Judicial na Era da Inteligência Artificial. Revista Direitos Humanos e Democracia, [S. l.], v. 10, n. 20, p. e13760, 2022. DOI: 10.21527/2317-5389.2022.20.13760. Disponível em: https://www.revistas.unijui.edu.br/index.php/direitoshumanosedemocracia/article/view/13760 Acesso em: 26 fev. 2023.

GARCIA, Bruna Pinotti. Ética na Internet: um estudo da autodisciplina moral no ciberespaço e de seus reflexos jurídicos. Dissertação (Mestrado em Direito) – Programa de Mestrado em Direito, Centro Universitário Eurípides de Marília – UNIVEM, Marília, 2013.

GONZÁLEZ PECOTCHE, Carlos Bernardo. Deficiências e propensões do ser humano [Tradução: Colaboradores voluntários da Fundação Logosófica em Prol da Superação Humana] - 13ª ed. São Paulo: Editora Logosófica, 2012.

GONZÁLEZ PECOTCHE, Carlos Bernardo. Logosofia ciência e método. [Tradução: Colaboradores voluntários da Fundação Logosófica em Prol da Superação Humana] - 12ª ed. São Paulo: Editora Logosófica, 2013.

GONZÁLEZ PECOTCHE, Carlos Bernardo. O Mecanismo da Vida Consciente. [Tradução: Filiados da Fundação Logosófica do Brasil] - 16ª ed. São Paulo: Logosófica, 2015.

GONZÁLEZ PECOTCHE, Carlos Bernardo. Curso de iniciação Logosófica. [Tradução: Colaboradores voluntários da Fundação Logosófica em Prol da Superação Humana] - 20ª ed. São Paulo: Editora Logosófica, 2017.

GONZÁLEZ PECOTCHE, Carlos Bernardo. Introdução do conhecimento logosófico. [Tradução: Colaboradores voluntários da Fundação Logosófica em Prol da Superação Humana] 4ª ed. São Paulo: Editora Logosófica, 2019.

IBARBURU, Alcira Lopez; TROUTBECK, Enriqueta; ROMAY, Elsa A. A Logosofia na infância. [Tradução: Colaboradores voluntários da Fundação Raumsólica de Logosofia] Belo Horizonte: Editora Raumsólica, 1995.

IGREJA, Rebecca Lemos; RAMPIN, Talita Tatiana Dias. Acesso à justiça: um debate inacabado. Suprema: Revista de Estudos Constitucionais, Brasília, v. 1, n. 2, p. 191-220, jul./dez. 2021.

LAGE, Lucas da Costa; OLIVEIRA, Roberto Dalmo Varallo Lima de. Quem somos nós? Levantamento do conceito de humano na produção do conhecimento. Revista de Estudos Interdisciplinares, [S. l.], v. 4, n. 5, p. 59–76, 2023. Disponível em: https://ceeinter.com.br/ojs3/index.php/revistadeestudosinterdisciplinar/article/view/458. Acesso em: 25 fev. 2023.

LOGOSÓFICA, Fundação. 1º Congresso Internacional da Pedagogia Logosófica. Disponível em: https://logosofia.org.br/conteudos/congressopedagogialogosofica/gclid=Cj0KCQiAgaGgBhC8ARIsAAAyLfFKu_UKNxOC5a0UnpaOAoiP97MuRKl08A9pdfN0uyMWCnQsXNLg36kaArKJEALw_wcB Acesso em: 08 mar. 2023.

MARTINS, Camila Ragonezi; DANTAS, Fernando Antônio de Carvalho; NOGUEIRA, Marcela Iossi. As epistemologias do sul e as experiências da américa-latina: um significado diferenciado para a propriedade ou outras formas de apropriação?. Abya-yala: Revista sobre Acesso à Justiça e Direitos nas Américas, [S. l.], v. 1, n. 1, p. 109–122, 2023. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/abya/article/view/46984. Acesso em: 13 fev. 2023.

NIEMEYER-GUIMARÃES, Márcio; Niemeyer-Guimarães, Flávio. A Bioética, a Ciência e a Ética Logosófica. in Caminhos da Bioética – Volume 3/ João Cardoso de Castro, Márcio Niemeyer-Guimarães, Rodrigo Siqueira-Batista (organizadores). Coleção FESO --- Teresópolis: Editora UNIFESO, 2020, p. 275-302.

PINTO, Karine Dias. Pedagogia Logosófica: aspectos didáticos e suas implicações para o desenvolvimento integral do educando. Dissertação (mestrado) – Universidade Federal do Rio Grande – FURG, Programa de Pós-Graduação em Educação, Rio Grande/RS, 2020.

RAUMSOL. Artículos e Publicaciones (Recopilación). Rosario: Establ. Gráfico Pomonio, 1937.

RAUMSOL, 1960. In IBARBURU, Alcira Lopez; TROUTBECK, Enriqueta; ROMAY, Elsa A. A Logosofia na infância. [Tradução: Colaboradores voluntários da Fundação Raumsólica de Logosofia] Belo Horizonte: Editora Raumsólica, 1995.

SANTOS, Boaventura de Sousa. Para além do pensamento abissal. Novos Estudos CEBRAP 79, nov. 2007, p. 71-94.

SILVA, José Irivaldo Alves Oliveira; FIRMINO NUNES, Gutyelson Henrik. DIREITOS HUMANOS E EDUCAÇÃO: DIRETRIZES FUNDAMENTAIS. Revista Direitos Humanos e Democracia, [S. l.], v. 7, n. 13, p. 254–279, 2019. DOI: 10.21527/2317-5389.2019.13.254-279. Disponível em: https://www.revistas.unijui.edu.br/index.php/direitoshumanosedemocracia/article/view/8633. Acesso em: 7 mar. 2023.

SCHIEFELBEIN DA SILVA, Queli Cristiane; SPENGLER, Fabiana Marion. O acesso à justiça como direito humano fundamental: a busca da efetivação da razoável duração do processo por meio do processo eletrônico. Espaço Jurídico Journal of Law [EJJL],[S. l.], v. 16, n. 1, p. 131–148, 2014. DOI: 10.18593/ejjl.v16i1.2555. Disponível em https://periodicos.unoesc.edu.br/espacojuridico/article/view/2555. Acesso em: 13 mar. 2023.

SPENGLER, Fabiana Marion; BEDIN, Gabriel de Lima. O direito de acesso à justiça como o mais básico dos direitos humanos no constitucionalismo brasileiro: aspectos históricos e teóricos. Revista Direitos Fundamentais & Democracia, [S. l.], v.13, n. 13, p. 129–144, 2013. Disponível em: https://revistaeletronicardfd.unibrasil.com.br/index.php/rdfd/article/view/442. Acesso em: 13 mar. 2023.

SPENGLER, Fabiana Marion; SPENGLER, Fernando Augusto Marion. Na medicina e no direito: como se rompe um paradigma? Revista Direitos Humanos e Democracia, [S. l.], v. 6, n. 12, p. 98–115, 2018. DOI: 10.21527/2317-5389.2018.12.98115. Disponível em:https://www.revistas.unijui.edu.br/index.php/direitoshumanosedemocracia/article/view/7239. Acesso em: 25 fev. 2023.

SPENGLER, Fabiana Marion. A autocomposição como política pública de incentivo ao direito fundamental de acesso à justiça. Revista Cidadania e Acesso a Justiça | e-ISSN: 2526-026X | Belém | v. 5 | n. 2 | p. 01 - 16 | Jul/Dez. 2019.

SUBIRATS, Eduardo. Transformaciones de la cultura moderna. in CASULLO, Nicolás. El debate modernidade-pósmodernidad: edición ampliada y actualizada. 2ª ed. Buenos Aires: Retórica, 2004, p. 155162

UFMG, 2023. Tópicos em Logosofia: A Logosofia e a Humanização na área de saúde. Disponível em: https://www.medicina.ufmg.br/clm/wp-content/uploads/sites/24/2022/08/logosofia.pdf. Acesso em 21 mar 2023.

WOLKMER, Antônio Carlos. Introdução ao pensamento jurídico crítico. 9ª ed. São Paulo: Saraiva, 2015.

Downloads

Publicado

2023-12-13

Como Citar

SAVINO FILÓ, M. da C. Contribuições da ciência logosófica para o acesso à justiça. REVISTA DA AGU, [S. l.], v. 22, n. 04, 2023. DOI: 10.25109/2525-328X.v.22.n.04.2023.3290. Disponível em: https://revistaagu.agu.gov.br/index.php/AGU/article/view/3290. Acesso em: 21 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos